descontos-pt

O vício dos descontos

Diariamente somos bombardeados com promoções e descontos vindos de todo o lado. De manhã, temos no mínimo uma dúzia de e-mails com super preços e preços riscados, descontos em cartão ou em talão, cada um a tentar puxar o cliente para o seu espaço. Diz-se por aí que os clientes estão viciados em descontos. Muitos estão mesmo. Mas há outro tipo de clientes que já não aguenta ver campanhas repetidas na TV, rádio, outdoors. Normalmente é nos intervalos destes anúncios que conseguimos ver um bocadinho de uma telenovela ou do telejornal da noite. Ainda assim, quem se lixa mesmo com esta febre de promoções e descontos são os produtores. Aliciados por uma garantia de volume de vendas capaz de escoar toda a produção, os produtores são obrigados a entrar nestes esquemas promocionais sem fim, abdicando muitas vezes daquilo que idealizaram na construção da sua marca.

No Supermercado é mais barato? Pense duas vezes

Toda a gente já teve a experiência de comprar vinho num supermercado. É uma das tarefas mais difíceis, quer para os entendidos, como para quem não percebe muito do tema. Corredores todos iguais, com regiões que não dizem nada sobre a qualidade do vinho. Rótulos parecidos, brancos, tintos, rosés, verdes, espumantes… Os únicos indicadores que são comuns à maioria dos consumidores são os preços e os descontos. E lá vai o consumidor, perdido nos corredores, à procura de uma oportunidade que tenha uma boa relação qualidade-preço. Claro está, que como 90% das pessoas não conhece bem a qualidade dos produtos, acaba por procurar a melhor relação preço-desconto. E fica todo satisfeito quando finalmente, após percorrer os olhos uma dúzia de vezes pelos rótulos iguais e por 3 ou 4 regiões diferentes, acaba por ver um vinho do Alentejo, que antes custava 9,99€ e agora está com 75% de desconto! Parece perfeito. Nunca ouviu o nome, mas deve ser uma destas novidades que estão sempre a surgir agora de pequenos produtores que estão a aparecer em Portugal com produções pequenas mas óptimas. Feliz, passa os olhos pelas marcas habituais que reconhece de algum lado… Gatão, Muralhas, Monte Velho… Mas lá se decide por levar o vinho com desconto, ansioso por provar a última grande descoberta. Contudo, apercebe-se, mais tarde, que o vinho não é lá muito diferente dos vinhos que normalmente custam 2,50€… Salvo raras excepções, um vinho que está permanentemente com 50% de desconto (ou mais), não deve ser muito bom…

E a VINHA?

Por norma, na VINHA, procuramos ajudar os nossos clientes a escolher melhor vinho que se adequa às suas necessidades. Temos sugestões de vinho por tipo de comida, dizemos se o vinho é mais ou menos intenso, e até classificamos cada vinho com os ratings da VIVINO, a rede social mais usada pelos consumidores de vinho. E quem melhor que milhões de utilizadores para nos dizerem se um vinho é bom ou mau? Por norma, não fazemos muitos descontos, porque os nossos preços já são baixos. No entanto, queremos que os nossos clientes continuem a saber o que estão a comprar quando escolhem o vinho. Não os queremos nas feiras de supermercados nesta altura, a serem bombardeados com promoções, descontos e vinhos sem critério. Fizemos um esforço e baixamos o preço dos vinhos que estão nas feiras dos supermercados. Para que continuem a comprar com conhecimento. E ainda têm vantagens ao escolherem a VINHA: Não gastam gasolina e poupam tempo (e paciência) nas filas intermináveis.

Precisa de mais motivos para começar (ou continuar) a comprar na VINHA?

Partilhar: