Partilhar:

Vinho Branco
Mirabilis
Grande Reserva 2018, 75cl
Douro

42

 14%

 Potencial de envelhecimento

 Servir a 10º-12º

91/100  Wine Spectator

18/20  Revista de Vinhos

 

O Produtor, nota de prova publicada em 30 de Março de 2016

De cor brilhante e citrina, no nariz apresenta fruta cítrica, baunilha, especiarias brancas e uma nota mineral granítica. Complexo, intenso, subtil e de Grande equilíbrio, a sua concentração e elegância revela um vinho muito sério.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Mirabilis

O nome tem origem no latim e significa “algo maravilhoso”, sendo também o nome de uma flor dos subtrópicos das Américas.

Estes vinhos nascem de uma grande vontade em querer ir mais longe. Preservação da viticultura e inovação na enologia resultam em vinhos sublimes, precisos e de elevada sofisticação, revelando uma matéria prima de excelência.

Selecção manual das uvas à entrada da adega. Prensagem directa de uva inteira. Separação do mosto em função do pH (≤ 3,10). Fermentou em barricas de carvalho francês e húngaro, a baixa temperatura (11-13ºC). “Elevage” por 9 meses nas mesmas barricas (35% madeira nova) “en sur lie”, sofrendo “battonage” cada 15 dias.

Prémios

18/20 pts – Wine, Portugal
17,5/20 pts – Revista de Vinhos, Portugal
92-94/100 pts – Robert Parker, USA

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 101312

Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo

A Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo é um local de extrema beleza, no coração do Douro, e propriedade da família Amorim desde 1999.
A ligação da família ao vinho vem de longe, através da sua ligação às casas exportadoras de Vila Nova de Gaia, por via do negócio da cortiça, mas nessa data esta ligação resultou na concretização de um sonho e o projecto está hoje nas mãos da 4ª geração da família.
Com uma história superior a 250 anos, a quinta exibe uma traça conservada e o edifício original da adega de 1764, após intervenções a cargo do Arquitecto Arnaldo Barbosa.
Mas a quinta é muito anterior a 1764 e história confirma-a como uma grande terra pertencente à Casa Real Portuguesa, tendo sido identificado o seu primeiro proprietário em 1725. A adega vinificava mais de 3.500 pipas de vinho, de parcelas e quintas vizinhas, tendo sido logo «integrada na primeira demarcação da região». Os locais históricos que ainda hoje estão preservados dão a perceber todo este peso histórico.
O espírito empreendedor e visionário da família fez entretanto a diferença pois, aliado a uma aposta apaixonada no futuro, determinaram o início de múltiplas alterações para um caminho de excelência enológica.

Morada

Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, S.A

Quinta Nova
5085-222 Covas do Douro – Portugal

Carregue no botão e será redireccionado para a ficha técnica do vinho

Nota: a ficha técnica abrirá numa nova janela