Partilhar:

Vinho Branco
Página
Encruzado 2018, 75cl
Lisboa

11,90

 12.5%

 Imediato

 Servir a 8º-10º

 

João Guedes

João Guedes, nota de prova publicada em 25 de Maio de 2019

Tem uma cor cítrica e aromas a frutos de polpa amarela, com algumas notas de mel e torradas leves. Grande equilíbrio e acidez fina. Gordura notória. Com um final muito harmonioso.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Página

Seleção rigorosa de cachos e bagas produzidas em mais de 100% de nossas uvas. Prensagem pneumática macia seguida de fermentação à temperatura de 15 º C em tanques de aço inoxidável de pequena capacidade. Fermentação parcial em barricas de carvalho francês com tampo de acácia, seguida de barragem de 150 dias.
Promoção válida até final do mês de Junho de 2020. Limitado ao stock existente. No caso do vinho que comprou ficar sem stock, entraremos em contacto para propor um vinho diferente, ou para lhe devolver o valor pago.
As promoções nos vinhos não são acumuláveis com outros descontos ou cupões.

Prémios

17 pontos Revista de Vinhos;
17 pontos Vinho Grandes Escolhas.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 104113

Casa Romana Vini

Nos terrenos que hoje constituem a Quinta do Porto Nogueira e a Quinta da Escusa, a família conduziu o plantio de vinhas, privilegiando os terroirs outrora ocupados por vinhas velhas, sempre com o objectivo de produzir uvas excepcionais e de fazer vinhos únicos, sob as marcas Quinta Nogueira, Quinta da Escusa e Página. A Quinta do Porto Nogueira está localizada em Alguber, concelho do Cadaval, a cerca de 70 Km a oeste de Lisboa. Data da primeira metade do século XVIII, esteve sempre na posse da mesma família, foi doada à Academia das Ciências de Lisboa por volta de 1980. Desde 2004 que é um Romana Vini estate. A Quinta da Escusa está localizada no lugar da Senhora da Escusa, concelho de Rio Maior, a cerca de 70 Km a nordeste de Lisboa, entre as aldeias de Quintas e de Vale Barco. Parte dos terrenos da Quinta da Escusa pertenciam aos avós e aos pais dos actuais proprietários que, ao longo de décadas, aí exerceram a agricultura e a viticultura. A casa secular da Quinta do Porto Nogueira está encostada à Ponte Romana sobre o rio Arnóia, que seria passagem da via romana que ligava Collippo (próximo de Leiria) a Eburobrittium (Óbidos) e que seguia para Olisipo (Lisboa). A ponte constitui testemunho da presença dos romanos na região e inspirou a denominação Romana Vini, a Family Winery

Morada

Quinta do Porto Nogueira 2550-012 Alguber, Cadaval, Portugal.