Partilhar:

Vinho Tinto
D.G.
2017, 75cl
Douro

3,95

 13.5%

 2016-2023

 Servir a 16º-18º

 

O Produtor, nota de prova publicada em 27 de Maio de 2019

Cor vermelha rubi. O aroma prima por alguma exuberância da fruta fresca, onde são perceptíveis notas de frutos vermelhos. Na boca, surpreende pelo equilíbrio, estrutura média, boa frescura e aroma retro nasal frutado, que lhe dão um final harmonioso.

Descubra todos os vinhos deste produtor

D.G.

Fermentação em lagares de granito com pisa automaticas. Após a fermentação, com cerca de uma semana de curtimenta, o vinho foi para cubas de aço inox, onde sedimentou os sólidos em suspensão. O engarrafamento foi feito, após ligeira colagem e filtração. Foi estabilizado pelo frio natural de dois invernos podendo, por isso, formar um ténue precipitado com o tempo, que em nada prejudica a qualidade do vinho.
Limitado ao stock existente. No caso do vinho que comprou ficar sem stock, entraremos em contacto para propor um vinho diferente, ou para lhe devolver o valor pago.
As promoções nos vinhos não são acumuláveis com outros descontos ou cupões.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 104619

Vinilourenço

A VINILOURENÇO tem sede no Douro Superior, na povoação Poço do Canto junto à Cidade de Meda . Foi criada com a missão de transformar e dinamizar a produção das vinhas que começaram a ser plantadas na década de 80 por Horácio Lourenço, após regresso de Angola. A sua paixão vitivinícola levou-o a desenvolver afincadamente o seu património. Aos 45 Hectares existentes , não se aplica o conceito de “Quinta” pelas suas diferentes localizações, Poço do Canto, Vale da Teja e Pocinho. A desvantagem do maior custo de produção é equilibrada pela maior diversidade permitindo tirar o máximo proveito do conjunto das propriedades com altitudes a variar entre os 180m e os 700m. Os solos são de Xisto nas zonas mais baixas e Xisto/Granito nas zonas mais altas. As diferenças de clima , localização, altitude e solo, aliados às mesmas castas plantadas em territórios diferentes, permitem a criação de vinhos distintos evitando a comum padronização. A partir de 2006 Jorge Lourenço cria a VINILOUREÇO com a preciosa ajuda de seu pai Horácio Lourenço.