Partilhar:

Moscatel
Horácio Simões
Excellent, 50cl
Península de Setúbal

51,35

 19%

 Potencial de envelhecimento

 Servir a 18º

0 /5
0 votaram

 

Revista de Vinhos, nota de prova publicada em 15 de Julho de 1905

Âmbar, reflexos acastanhados. Notas de fumo, couro, especiaria e folha de chá. Untuoso e salgado, sabe combinar doçura e acidez. Tenso e firme, profundo e teimoso, mostra evolução de grande nível e uma nuance de charuto que o valoriza no final.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Horácio Simões

O Moscatel Roxo “ Excellent” resulta de um trabalho intenso ao longo dos últimos 10 anos repartido entre a vinha e a adega. A vinha foi acompanhada e mimada durante todo o tempo para que os rendimentos não excedessem os 2500 litros/ha e as uvas chegassem á adega no estado sanitário e maturação ideal. Na Adega foi idealizada uma vinificação “própria” para este produto, distinta da que era habitual nas outras empresas da região. Consiste numa uma intensa seleção de cachos seguida de uma maceração préfermentativa durante 5 dias, depois disso deixa-se iniciar a fermentação muito lentamente homogeneamente em toda a cuba atingindo os ¾ da fermentação em 3 dias, beneficiando-se este vinho com as melhores aguardentes vínicas disponíveis no mercado selecionadas pelos técnicos da empresa, seguindo-se uma maceração pós-fermentativa de 5 longos meses. O estágio final é realizado em barricas de 225 litros de Carvalho Francês usadas, onde vão estar a concentrar durante os próximos 10 anos. Para este vinho foram selecionadas as melhores barricas dos melhores anos da década de 2000.

O Moscatel Roxo é um vinho de sobremesa produzido na Região de Setúbal, demarcada desde 1907. A Casa Agrícola Horácio Simões soube em boa altura apostar nesta casta que se encontrava extinta na região e produzir este néctar; pela mão do enólogo, Luís Camacho Simões.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 105315

Casa Agricola Horácio Simões

A secular Casa Agrícola Horácio Simões não é o maior produtor da Península de Setúbal, mas é certamente um dos mais antigos e mais reputados na região. Encontra-se aqui em perfeito equilíbrio uma abordagem tradicional e quase artesanal dos antepassados e uma sede da geração contemporânea para experimentar coisas novas.
A adega na Quinta do Anjo é pequena e disfarçada de vivenda com uma loja e café, onde os locais gostam de ficar à sombra no pátio para tomar um copo à tarde. Ao passar na rua nem se dá pela adega, sobretudo se o portão estiver fechado.
A casa dispõe de cerca de 40 hectares de vinha própria e conta com mais 30 hectares de vinha dos parceiros, para além de alguma uva comprada na região. A produção anual é de cerca de 300 mil litros de vinhos tranquilos, Moscatel de Setúbal e Moscatel Roxo.