Partilhar:

Vinho Branco
Vinha Paz
2017, 75cl
Dão

6,90

 14%

 imediato

 Servir a 10º-12º

 

O Produtor, Nota de prova publicada em 27 de Maio de 2018

Este vinho expressa bem o caracter dos vinhos brancos do Dão, criado na Quinta da Leira Silgueiros no centro do Dão. Apresenta cor citrina muito brilhante com laivos esverdeados. Expressa notas aromáticas muito elegantes de destacada finura onde se revela a flor de laranjeira, a tília e suave cidreira ladeadas com nuances citrinas frescas. Na boca demonstra uma acidez bem estruturada e crocante, com boa elegância e requinte. Revela um perfil muito fresco e mineral com um final de boca longo e persistente, segundo a sua tradição. Deve ser servido à temperatura de 12 º a acompanhar pratos de pratos leves ou simplesmente em boa confraternização.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Vinha Paz

Este vinho provém de vinhas com uma idade de 20 e 35 anos, plantadas em 2 hectares de solo granític. O sistema de condução é monoplano vertical ascendente e a produção por hectare foi 5 ton/ha. O clima da região é Mediterrâneo. A vindima foi manual com selecção das melhores uvas. Filtração ligeira.

Informação de alergénios

Contém sulfitos

SKU: 104303

Vinha Paz

Vinha Paz é uma história de cinco gerações, a quem o vinho e as Terras do Dão correm nas veias. É uma história sobre vinhos que transcendem o tempo, feitos em centenários lagares do Dão, e que transportam a serena austeridade das paisagens do Dão. O sucesso destes vinhos, resultado de um amor e dedicação à terra, está presente nos vários prémios atribuídos a estes vinhos. Em 2002, nasce o primeiro Vinha Paz, cujo nome foi inspirado na mãe de António Canto Moniz, o produtor. O Vinha Paz é mais do que um vinho, é um legado de família com mais de um século, passado de geração em geração. Um dia, António Canto Moniz, médico cirurgião no Porto, pediu, em tom de brincadeira, ao pai para o ensinar a fazer vinho. Foi um começo e o continuar de uma história de uma família, a quem o vinho corre nas veias há mais de 150 anos. Uma história que começou na primeira adega de lagares de granito, construída pelo tetravô de António Canto Moniz, onde, ainda hoje, o vinho é feito de forma antiga, mas com recurso às tecnologias modernas. E a história continuou: o seu avô foi o primeiro presidente da Federação dos Viticultores do Dão, o pai desenvolveu o cooperativismo e foi presidente de uma adega cooperativa e o irmão mais novo foi director da Federação dos Vinhos do Dão. A imagem icónica do rótulo, é de um portão da casa da Carreira Alta, onde vive a sua irmã e se situa a adega. Henrique, o seu filho, é o actual gestor do Vinha Paz. Com ele, continua esta história de cinco gerações de uma família a fazer vinhos com paixão e personalidade, há mais de 150 anos.

Morada

Quinta da Leira, Oliveira de Barreiros, 3500-884 Viseu – Portugal