Partilhar:

Vinho do Porto
Graham´s
40 Years Old Tawny, 75cl
Porto

149 126,65

 20%

 Potencial de envelhecimento

 Servir a 12º

0 /5
0 votaram

96/100  Wine Spectator

 

O Produtor, nota de prova publicada em 28 de Maio de 2020

Grahams 40 Years Old Tawny é testemunha de uma longa tradição. Este vinho é composto por Grahams Master Blender de vinhos colocados na adega por seu bisavô, avô, pai e tios. O Master Blender também coloca vinhos para futuras gerações. O Porto Tawny de Grahams 40 Years é para aqueles que apreciam o sabor extraordinário, complexo e sutil do tempo. Cor de âmbar dourada, com um tom verde pálido na borda, denotando grande idade. Muito complexo com uma fragrância poderosa que expressa sua idade. No paladar, uma variedade de sabores, desde frutas delicadas e passas até toffee toffee e chocolate, com um sabor excelente. Deve ser servido ligeiramente gelado.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Graham´s

O Grahams 40 Anos é produzido a partir de vinhos da mais alta qualidade que, após cuidadosa selecção, são envelhecidos em cascos de carvalho de 534 litros até ser atingido o pico de maturação.
É essencial encontrar o equilíbrio correcto entre a delicadeza e a elegância que resultam do prolongado envelhecimento em casco, e simultaneamente preservar a qualidade da fruta, que empresta a este Tawny envelhecido a sua estrutura e longevidade.
Limitado ao stock existente. No caso do vinho que comprou ficar sem stock, entraremos em contacto para propor um vinho diferente, ou para lhe devolver o valor pago.
As promoções nos vinhos não são acumuláveis com outros descontos ou cupões.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 105000

Prats & Symington

O Chryseia foi um dos pioneiros do ressurgimento, hoje amplamente reconhecido, dos vinhos não fortificados Douro DOC. No entanto, este vinho, cujo nome significa «d’ouro» em grego clássico, tal como o nome do rio em português, mantém-se fiel a um estilo muito próprio. Nele predominam a elegância e o equilíbrio, tendo profundidade sem ser pesado e apresentando-se encorpado sem ser agressivo. O Chryseia simboliza o encontro da nobre tradição portuguesa com a não menos rica tradição bordalesa, no sentido de uma nova modernidade. O primeiro Chryseia comercializado foi a colheita 2000.

Em 2002, apresentámos o Post Scriptum como um vinho parceiro do Chryseia. Este vinho é produzido a partir de uma segunda selecção dos lotes criados para o Chryseia e, desde 2007, tem sido produzido predominantemente a partir de frutos da Quinta da Perdiz, no vale do Rio Torto. Após a aquisição das vinhas e da adega da Quinta de Roriz, em 2009, a Prats & Symington adicionou os vinhos Prazo de Roriz e Quinta de Roriz Porto Vintage à sua gama de vinhos.

Morada

Prats & Symington, Lda.
Quinta de Roriz
São João da Pesqueira
5130-113 Ervedosa do Douro
Portugal