Partilhar:

Vinho Tinto
Quinta dos Castelares
Grande Reserva 2020, 75cl
Douro

26,49

 14.5%

 2022-2032

 Servir a 16º-18º

 

O Produtor, nota de prova publicada em 14 de Julho de 1905

É um tinto encorpado com carácter ‘freixenista’ do Douro Superior. Aroma de frutos pretos, com notas de alcaçuz, especiarias, violetas, bergamota e esteva, em equilíbrio com notas muito elegantes do estágio em barrica.
Muito complexo e elegante, muito maduro, com taninos finos, firmes mas suaves, fazendo este vinho longo e cheio com sabor frutado, antevendo um excelente potencial de envelhecimento em garrafa.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Quinta dos Castelares

Um vinho encorpado, mas com perfil elegante.

As uvas que dão origem a este Quinta dos Castelares Grande Reserva Tinto, são um “field blend” de vinhas velhas das mais altas da Quinta dos Castelares, em Freixo de Espada à Cinta, no Douro Superior, a uma altitude entre os 500-600 metros, plantadas em solos de xisto, em socalcos com orientação dominante Norte-Nascente.

Vinificação: Vindima manual. Desengace total seguido de esmagamento. As uvas são fermentadas por castas e por parcela de vinha, com o objectivo de fazer a selecção que permita um melhor resultado final. Fermentação em cubas inox de pequena capacidade, a uma temperatura de 24ºC. Maceração controlada e suave, com o objectivo de obter vinhos concentrados, aromáticos e elegantes. Estágio de 18 meses em barricas de carvalho Francês (2/3) e Americano (1/3).

Experimente-o com caça, carnes assadas ou queijos intensos.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 106368

Quinta dos Castelares

Um filho da terra, apaixonado pela agricultura. Desde muito jovem que fez das vinhas, do Douro e das suas gentes, o seu projeto de vida. Assim nasceu a Quinta dos Castelares! Atualmente com 120 hectares, a Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira é detentora das marcas Quinta dos Castelares e Fronteira. Duas marcas com um crescimento expressivo nos 4 cantos do mundo, levando como bandeira o que de melhor se faz no Douro Superior. Manuel Caldeira, sente-se um homem realizado, prometendo dia após dia continuar o seu legado.