Partilhar:

Vinho Tinto
Zom
Coleção 2014, 75cl
DOC Douro

32,49

 14%

 2016-2030

 Servir a 16º-18º

 

O Produtor, nota de prova publicada em 8 de Julho de 1905

ZOM Colecção apresenta uma tonalidade rubi profunda com aromas florais – violeta da Touriga Nacional e de fruta madura, especialmente ameixas e frutos do bosque perfeitamente harmonizados com notas de especiarias. Na boca é bem equilibrado, macio e aveludado nos taninos, mostrando carácter e complexidade. Final de boca prolongado e elegante.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Zom

2014 foi um ano de pouca produção, não só por algumas doenças durante o ciclo vegetativo, mas também pelo desavinho. Devido à água acumulada no solo durante o Inverno e a Primavera, houve um adiantamento do ciclo vegetativo e não fossem as chuvas constantes durante a vindima, teria sido um grande ano desta década; mas para quem conseguiu fazer a vindima precoce, foi um ano de excecional qualidade.

Vinificação: Após cuidada seleção de uvas no seu perfeito estado de maturação, as uvas são arrefecidas até 10°C e são esmagadas em lagares, dando ao início do processo de fermentação, com 3 dias de maceração pré-fermentativa em cubas de inox durante 4 dias com temperatura controlada de 26°C.
Após a fermentação maloláctica, o vinho permanece em estágio em barricas de Carvalho Francês durante 18 meses (50% em barrica nova, 20% em barrica de 2º ano e 20% em barrica de 3º ano); os restantes 10% do lote estagia em cubas de inox.

Deve ser servido entre 16 ̊ e 18 ̊ C para acompanhar pratos de carne de caça, assados ou uma tábua de queijos amanteigados.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 107171

Barão de Vilar

As origens conhecidas da família van Zeller remontam ao século XIII, às cidades flamengas de Mechelen e Nijmegen, onde detinham algumas propriedades, nomeadamente na aldeia de Zellaer. No século XVII, no rescaldo das guerras religiosas que assolaram o Norte e o Centro da Europa, os van Zelleres emigraram para Espanha e Portugal, países onde se vieram a radicar.

A sua ligação ao negócio dos vinhos data do início do século XVII, conforme os Livros da Imposição (1620-1640) que referem os comerciantes Jorge Fernandes e o seu genro Francisco da Silva Moura, antepassados do ramo português da família, como dos maiores comerciantes de vinhos registados na época. Estes antepassados da família van Zeller são os primeiros de que há conhecimento de uma série ininterrupta de 14 gerações consecutivas que se dedicaram, e dedicam ainda, ao comércio de vinhos do Douro e de Vinhos do Porto, facto sem precedentes em qualquer outra “dinastia” de famílias portuguesas envolvidas no negócio de vinhos.

Morada

Barão de Vilar – Vinhos, S.A

Núcleo de Acolhimento de Empresas de Sta. Comba da Vilariça, Lotes 10/11
5360-170 Santa Comba da Vilariça
Portugal