Partilhar:

Vinho do Porto
Niepoort
Crusted 2014, 75cl
Douro

19

 20%

 Potencial de envelhecimento

 Servir a 16º-18º

 

O Produtor, nota de prova publicada em 7 de Março de 2017

Com uma fantástica cor vermelha e cor de tijolo no bordo, apresenta um excelente nariz de frutos silvestres e chocolate amargo. É um blend de anos fantásticos, com o 2010 a contribuir para uma grande elegância e profundidade e os anos quentes de 2009 e 2011 a proporcionar um carácter cheio e granuloso no palato. Neste momento domina a exuberância do vinho e o seu estilo elegante, o que o torna muito apetecível para ser bebido no imediato, no entanto ao longo dos anos irá beneficiar com o envelhecimento em garrafa.

Descubra todos os vinhos deste produtor

Niepoort

Vinificação: Este Crusted provém de vinhos de 2010 da Vinha da Pisca e de vinhos de 2009 e 2011 de pequenas parcelas de Soutelo e Vale do Pinhão. As uvas foram pisadas nos lagares redondos de Vale de Mendiz e o vinho envelheceu posteriormente em balseiros nas nossas caves em Vila Nova de Gaia. A produção foi pequena, com um total de 7.000 litros, engarrafados em Dezembro de 2012. Limitado ao stock existente. No caso do vinho que comprou ficar sem stock, entraremos em contacto para propor um vinho diferente, ou para lhe devolver o valor pago.
As promoções nos vinhos não são acumuláveis com outros descontos ou cupões.

Informação de alergénios

Contém sulfitos.

SKU: 101512

Niepoort Vinhos

A família Niepoort tem vindo a produzir Vinho do Porto desde 1842. A primeira propriedade no Douro foi comprada em 1987 e Dirk Niepoort deu início a uma nova era na empresa com a criação do primeiro Redoma Tinto em 1991. Nos últimos anos, a Niepoort lançou a si própria o grande desafio de interpretar outros solos e climas, e adquiriu duas propriedades noutras regiões: Dão e Bairrada. Descubra o Triângulo Niepoort que expressa os diferentes terroirs: Xisto (Douro), Calcário (Bairrada) e Granito (Dão). Após terem criado em 2002 o primeiro vinho da família dos “Fabulosos”, ao qual se deu o nome de “Fabelhaft”, Dirk Niepoort insistiu em desenhar um rótulo original e distinto para cada mercado recorrendo a um artista local para ilustrar uma história adequada aos valores e sensibilidade de cada país e a sua relação com o vinho. “Diálogo”, ”Conversa”, “Allez Santé”, “Drink Me”, “Alonso Quijano” ,”Fabelhaft”, entre outros, são alguns dos nomes que os “Fabulosos” assumem atendendo à realidade dos mercados a que se destinam, respectivamente Portugal, Brasil, Bélgica, Inglaterra, Espanha e Alemanha. Este vinho simboliza a alegria, a celebração, a boa comida, os bons amigos, a boa vida, um vinho de puro prazer, elegante e que expressa a realidade do Douro. Em Julho 2011 foram lançados o Diálogo Branco 2010 e o Fabelhaft Branco. Os “Projectos Wines” incluem todos os vinhos com o rótulo “Niepoort Projectos”, que são experiências realizadas no Douro ou em Vila Nova de Gaia, mas também vinhos feitos em parceria com outros produtores, tais como o Doda, com Álvaro de Castro, da região do Dão; OmLet, feito no Douro com o produtor espanhol Telmo Rodriguez; Ultreia, produzido no Douro com o produtor espanhol Raul Perez; os vinhos Muhr van der Niepoort, produzidos na Áustria, em colaboração com Dorli Muhr; Cape Charme e Cape Fortified, produzidos na África do Sul com Eben; ou Ladredo, de Ribera Sacra (Espanha).

Morada

Niepoort Vinhos S.A.

Rua Cândido dos Reis, 670
4400-071 Vila Nova de Gaia
Portugal